Not seeing a Scroll to Top Button? Go to our FAQ page for more info.
012345678
Logo_Plataforma Digital da Justiça

Conheça o novo sítio web da SGMJ em sgmj.justica.gov.pt na Plataforma Digital da Justiça.gov.pt


-

 Secretaria-Geral do Ministério da Justiça

Bem-vindo_Homepage da SGMJ
Logo_GovPT_MJ
         


Imprimir Enviar esta pagina por email  A- A+

Prolongamento da Exposição "Condemnados à Pena Última"

Devido ao elevado número de visitantes e manifestações de interesse na continuação da sua abertura, a exposição vai prolongar-se até dia 31 de julho no Palácio Foz, em Lisboa.

Condenados à pena última

A exposição «Condemnados à Pena Última», organizada pela Secretaria Geral do Ministério da Justiça, celebra a abolição da pena de morte para crimes civis, importante marco de avanço civilizacional alcançado por Portugal no dia 1 de julho de 1867, data em que foi assinada pelo Rei D. Luís I a Carta de Lei onde se pode ler no seu artigo 1º: «Fica abolida a pena de morte».

Depois de ter sido visitada por largas centenas de pessoas durante a sua permanência, no antigo Convento da Trindade, em Coimbra, ao longo do segundo semestre do ano de 2017, a exposição tem igualmente sido muito visitada, em Lisboa, tanto por cidadãos nacionais como estrangeiros.

Tendo a sua abertura em Lisboa, no Palácio Foz, ocorrido há pouco mais de dois meses, regista-se, para além de uma grande afluência diária de público, que  o número de visitantes, tanto individualmente como em grupo, atinge já cerca de 7000.

Tratando-se de uma exposição auto explicativa, com disponibilização da tradução em línguas inglesa e francesa dos textos que a integram, a mesma permite que os visitantes acompanhem tanto todo percurso luminoso desse ideal abolicionista, desde Cesare Beccaria até Barjona de Freitas, passando por muitos outros pensadores, académicos, magistrados, parlamentares e políticos, como tomem contacto com o lado sombrio de execuções à pena capital no nosso país, nalguns casos através da transcrição de relatos presenciais da comoção que essas execuções causavam nas populações.

O livro de visitas, disponível no local, tem servido para registar inúmeros testemunhos de grande agrado pela exposição e também de suporte ao ideal de Abolição Universal da Pena de Morte!

Testemunh0 1

Testemunho 2

Venha visitar esta exposição até 31 de julho, das 10h00 às 18h30, no Palácio Foz, na Praça dos Restauradores (entrada gratuita).
Last modified: 07/18/2018 11:39 PM


Topo

imgAcessibilidade

© Secretaria-Geral do Ministério da Justiça / 2007- - Todos os direitos reservados  online